Início / Você já sabe o que é a CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica)?

Você já sabe o que é a CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica)?

Existem diversos agentes que fiscalizam e gerenciam o mercado de energia elétrica no Brasil. Apesar de ser complexo, o sistema é organizado para que seja garantida a produção e o consumo de energia das empresas envolvidas nesse processo. Entre os principais órgãos que atuam no segmento, está a CCEE.

O que é:

CCEE é a sigla para Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, que integra os agentes: geradores, distribuidores, comercializadores e consumidores. Ela está presente em cada etapa e garante as condições para que a energia elétrica seja negociada. Por isso, a CCEE é considerada a grande facilitadora do mercado energético. 

Ela atua nas diversas relações comerciais, que são estabelecidas em ambientes distintos: o Ambiente de Contratação Livre (ACL), conhecido como o Mercado Livre de Energia, e o Ambiente de Contratação Regulada (ACR), formado pelos consumidores cativos. 

A CCEE é considerada a casa do mercado, investe em tecnologias, nas relações pessoais e no conhecimento técnico. Operam o mercado comercial e geram bilhões de reais em recursos, garantindo a liquidez dos negócios e a sustentabilidade do setor.

Como funciona?

A CCEE é um órgão que foi criado por meio da Lei nº 10.848/2004, que foi posteriormente regulamentada mediante o Decreto nº 5.177/2004. Trata-se de uma entidade sem fins lucrativos que tem a função de viabilizar as transações comerciais de eletricidade no Mercado Livre de Energia.

O órgão tem a responsabilidade de administrar o mercado de energia elétrica no território brasileiro. É ele que faz a contabilização das atividades de compra e venda, calcula o Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) e o divulga continuamente, para atribuir valor às transações de energia elétrica no Brasil.

A CCEE, apura as questões de fornecimento de energia, sua origem, débitos e créditos dos agentes envolvidos. A entidade é mantida por organizações que comercializam energia:

  • Empresas geradoras;
  • Autoprodutores;
  • Produtores independentes;
  • Concessionárias de serviço público;
  • Comercializadoras;
  • Distribuidoras;
  • Exportadoras;
  • Importadoras;
  • Consumidores livres.

Qual é sua função?

A principal função da CCEE é:

  • Gerenciar e fiscalizar, de forma idônea, o Mercado Livre, realizar a divulgação e executar os leilões regulados;
  • Redigir os instrumentos contratuais inerentes. 

A CCEE mantém os registros de informações de energia elétrica consumida, implanta as regras e os procedimentos das operações comerciais e gere os contratos do ACL e ACR:

  • Apura as infrações cometidas pelos agentes e aplica penalidades;
  • Realiza leilões de compra e venda de energia no ACR;
  • Executa leilões de Energia de Reserva, sob delegação da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL);
  • Faz a liquidação financeira dos montantes contratados nos leilões.

Além disso, também calcula o Preço de Liquidação das Diferenças (PLD), diariamente para cada hora do dia seguinte, considerando a aplicação dos limites máximos (horário e estrutural) e mínimo vigentes para cada período de apuração e para cada submercado. Este cálculo é realizado por modelos computacionais (Newave, Decomp e Dessem) e tem como base o Custo Marginal de Operação (CMO).

O Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) é o resultado de um cálculo que determina os valores de toda a energia elétrica que foi produzida, mas não foi contratada pelos agentes do mercado.

A metodologia que determina o PLD é operacionalizada pelos modelos computacionais NEWAVE, DECOMP e DESSEM

CCEE

Atribuições da CCEE

– Contabilização e controle da medição: para equilibrar produção e consumo.


– Cálculo da liquidação das diferenças entre o que é contratado, gerado e consumido: para equilibrar custos de oferta e demanda.

Processo de contabilização CCEE

Funciona para ajudar a manter um equilíbrio, evitando sobra de energia produzida em excesso ou falta energia que está sendo consumida a mais do que está sendo produzido. 

Além de realizar a contabilização, também é responsável pelo controle dos sistemas de medição, tem os dados tanto de consumo quanto de produção em tempo real, ela processa essas informações e divulga todos os agentes e os participantes interessados

Mercado de curto prazo (MCP)

O Mercado de Curto Prazo é o ambiente onde ocorre a apuração das diferenças entre a energia contratada e a energia verificada, que são valoradas ao Preço de Liquidação das Diferenças (PLD). O MCP também é denominado mercado spot.

Com informações ccee.org.br

Soluções Quanta

A Quanta Geração oferece uma gestão que facilita todo esse processo. Conosco é possível fazer um balanço entre o que foi consumido de fato e o que tem contratado, já que logo após a disponibilização dos dados consolidados da medição, o contratante tem um curto prazo para poder comprar essa energia que faltou ou até mesmo vender energia que possa vir a sobrar. 

Por se tratar de um prazo curto, nosso time de especialistas da Quanta realiza essa análise de forma rápida e eficiente, restando ao nosso cliente essa tomada de decisão o mais simplificada possível.

Para saber mais acompanhe essa e outras matérias no nosso blog e também nas nossas redes sociais! Estamos no: Instagram, LinkedInYouTube.

Sobre o autor:

Grupo Quanta

Compartilhe:

Newsletter

Ao cadastrar, você aceitará nossas Política de Privacidade.

Verified by MonsterInsights